Gernaide Cezar
Palavras Plásticas
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos



Existir não é viver
 
Entrei no mundo
Caminhando na luz da vida
E vi o céu quase cheio 
Na constelação azul  
Não me basta apenas ser 
Preciso entender mais
Como funciona o existir
Penso na plenitude do abismo
Que transcende bem além do existir
Na diversidade dos fatos contidos
Viver é bem mais que existir
É aprender e ser também aprendiz
Ter humildade para acolher
E entender a própria indiferença 
Conter a angústia de ser
Para rimar tristeza com beleza
Iluminado pelo desejo sem cor
Para viver talvez em equilíbrio
Tendo que mergulhar no íntimo
E voltar outra vez para observar
Na complexidade que perpassa
Toda a engrenagem  visível
De saber que viver  
É ser ÚNICO



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Inter
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 21/09/2019
Alterado em 30/09/2019


Comentários