Gernaide Cezar
Palavras Plásticas
Capa Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
Textos
Um dia de domingo

Pensando no que fazer
Para aquietar o meu silêncio
Penso rápido nos meus escritos
Para ocupar o vazio do tempo
É fácil deformar um domingo
Pouco interessante
Pensando com vontade
Tudo se transforma
Hoje tenho mais idade
Vivo para nutrir minha
Solidão sem propósito
Gosto muito da vida
Deixei de rezar
Pois Deus parece
Que não me entende
Caminho na inutilidade
Do meu pensar
Sigo à voz do vento
Para ouvir o cantarolar
Da vida em páginas
Onde à noite se finda
E o sol brilha
No silêncio da manhã
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 16/05/2021
Alterado em 16/05/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários