Gernaide Cezar
Palavras Plásticas
Capa Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
Textos
Guardei um sonho

Era um texto na essência recortado
Guardado no sentido horizontal
Que passava no atalho da noite
Provendo ideias vagas em partes

Lá estava implícito um sonho
Numa imagem de papel em versos
Que em silêncio surgia na íntegra
Num simples toque por cima da luz

Era como se fosse guardada ali
A minha alma espalhada e desnuda
No silêncio da planície minha noite ia
Numa curva desligada do tempo

Eu montei um sonho em palavras
Na indiferença da linguagem traduzia
Uma viagem gravada na essência
De uma pedra plantada em branco
Num encontro consagrado no tempo
Que explorava o meu sonho em páginas


 
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 24/06/2021
Alterado em 24/06/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários